Em boa fase, Douglas esquece frustrações no Mundial e na Seleção

Por Diego Ribeiro

São Paulo

O meia Douglas vem reconquistando seu espaço entre os titulares do Corinthians depois de um período de esquecimento no banco de reservas. Aproveitando a sua boa atuação na vitória por 2 a 0 sobre o Luverdense, na quarta-feira, o meia voltou a dar entrevista coletiva depois de um longo período. E ele não deixou de falar abertamente sobre o seu atual momento e situações que o frustraram nos últimos tempos.

Douglas relembrou primeiramente a sua chateação no Mundial de Clubes, no Japão, quando foi sacado da equipe na decisão contra o Chelsea para a entrada de Jorge Henrique. Ele havia sido titular na semifinal contra o Al-Ahly, do Egito.

– O Mundial me frustrou mais por que eu estava em uma sequência bacana e tinha disputado a primeira partida. Mas sei que a decisão não foi técnica, foi mais tática. A função que o Jorge Henrique fez naquele jogo eu não ia fazer nunca, de jogar pelos lados e acompanhar o lateral. Fiquei muito chateado, todo mundo sabe disso, mas passou – afirmou o meia.

Outra frustração que Douglas prefere esquecer é com a Seleção Brasileira. Ele assegura que não tem mais a ambição de defender o Brasil desde uma falha que chamou bastante atenção. Em amistoso contra a Argentina, em 2010, o camisa 10 perdeu uma bola no meio-campo para o craque Messi, que arrancou e fez o gol da vitória dos argentinos por 1 a 0. O técnico da Seleção na ocasião era Mano Menezes, atualmente no Flamengo.

–  Não tem como não ficar chateado com aquilo, mas não penso mais em Seleção Brasileira. Minha cabeça é voltada para o Corinthians – resumiu o meia.

– Aquele lance marcou muito, levei um azar danado que a bola caiu no pé do Messi. Fiquei muito chateado, passei a noite em claro naquela ocasião, mas já superei e estou seguindo em frente – completou.

Neste domingo, curiosamente, Douglas terá a oportunidade de reencontrar Mano Menezes, pois o Corinthians vai enfrentar o Flamengo, às 16h (horário de Brasília), no Pacaembu. Como Danilo está suspenso, a tendência é que o meia seja mantido por Tite entre os titulares.

Antônio Colloca, pai, que tal assistirmos esse jogo neste domingão? Vamos lá!

Anúncios

E O TIMÃO VOLTA PRO G4! E COISA BOA! RUMO AO TÍTULO!

VAI CORINTHIANS!

 

E O GUERREIRO JOGANDO MUITO!

 

O Corinthians voltou a jogar mal no Brasileiro. Não se impôs ao desfalcado Coritiba, neste domingo, no Pacaembu, pouco criou e ouviu reclamações. Ainda contou com a ajuda do juiz, que viu pênalti inexistente em Danilo no fim do segundo tempo.

Mas futebol bonito não é sinônimo de três pontos. Vitória, sim. Mesmo sem brilhar, a equipe lutou e foi recompensada com um gol de Guerrero, aos 45 do segundo tempo: 1 a 0 no marcador, quarto lugar e retorno ao G4 garantido.

O roteiro da maioria dos jogos do Corinthians, principalmente os disputados no Pacaembu, se repetiu. Adversário bem postado na defesa, fechando as jogadas pelas laterais do Timão e apostando no contra-ataque.

Esse é o preço de ficar na vitrine. Com tantos títulos, o time de Tite foi muito estudado pelos rivais, que encontraram um jeito de, se não derrotá-lo, ao menos impedi-lo de dominar.

Cabeçadas de Pato e Gil aqui, um chute de longe de Renato Augusto ali e nada mais do que isso. Mesmo com Renato e Danilo na criação, a equipe pouco produziu de perigoso.

ajudinha extra/ Mesmo sem Alex, Deivid e outros seis desfalques, o Coxa jogou de igual para igual. Teve chances de marcar, mas pecou na finalização. Principalmente em jogada de Arthur pelo lado esquerdo.

A partida se encaminhava para o 0 a 0, mas Péricles apareceu. Não havia nenhum jogador com esse nome, leitor. Péricles era o juiz do confronto.

Primeiro, poderia ter expulsado Sheik, que deu um carrinho para lá de perigoso em Gil. Deu amarelo. Tudo bem, ainda foi bonzinho demais. Mas, no fim, em lance normal de ombro a ombro de Danilo e Luccas Claro, Péricles viu o pênalti.

Certo ou errado, o Timão não tem nada a ver com isso. Também já foi prejudicado — quem se esquece de Amarilla? — e ajudado pelos juízes. Guerrero converteu a cobrança, garantiu os três pontos e a volta ao G4.

NOTÍCIA DO REDE BOM DIA!

 

VEJA AÍ ANTONIO COLLOCA! ESSA É BOA!

 

BY GUSTAVO RICARDO COLLOCA

gustavo_ricardo_colloca_corinthians_guerriro_g4